segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Feira do Grupo de Economia Solidaria e Turismo Rural movimentou a comunidade do Sitio farias no Distrito de Arajára em Barbalha.


Mais uma vez, o Grupo de Economia Solidaria e Turismo Rural da Agricultura Familiar do município de Barbalha, realizou o encontro com feira que já marca o seu 20ª encontro desde quando iniciou no ano de 2011.

No sitio Farias, região pé de serra no distrito de Arajára, a comunidade rural, recebeu com festa nesta ultima sexta feira cinco de Setembro de 2014 o grupo de Economia Solidaria, que a cada encontro, realiza com alegria, a feira dos produtos da agricultura familiar, com vendas e trocas, dos excedentes de suas produções, uma diversidade de produtos, vindo com carinho das mãos de quem produz, com qualidade.


A feira vem atraindo, alunos, universitários e professores de escolas técnicas e empreendimentos econômicos da região do cariri, como por exemplo: UFCARIRI e Centro Vocacional Técnico (CVTEC) de Barbalha que já tem propostas de incentivos para o grupo.
Nos encontros são discutidos os pontos positivos e negativos, observando os avanços do grupo, a interatividade e a solidariedade entre os agricultores, com o objetivo de fortalecer a ideia, rumo a um processo de uma economia justa e igualitária.


O grupo tem o apoio das entidades parceiras como, EMATERCE (Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais) e associações de varias comunidades rurais do município, que fazem os encaminhamentos junto aos agricultores participantes do evento, com isso uma nova agenda é marcada, desta vez, a nova data para a realização da próxima feira, ficou marcada para o dia 24 de Outubro na comunidade do Assentamento São Judas Tadeu no sitio Boa Vista no distrito do Caldas, onde a comunidade estará festejando seu padroeiro. A comunidade receberá o grupo de Economia Solidaria pela 2ª vez.


A boa musica, também faz parte dos encontros, a dupla sertaneja barbalhense, Edson e Bruno, abrilhantaram o momento naquela região serrana de clima agradável, com a nobre arte de cantar, deixando o ambiente mais harmonioso, esses garotos já foram adotados pelos feirantes, que não veem a feira do grupo sem o show da dupla.



Mais uma vez o sucesso foi garantido, agora é só esperar a próxima feira, na certeza de um novo êxito.



Informação: Lindicassia Nascimento (Agente Rural/Ematerce-Barbalha)





segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Mulher do campo se destaca na área do cultivo de uva de mesa em Barbalha.

No sitio Espinhaço, na região do pé de serra no distrito de Arajara em Barbalha, a universitária  e produtora de uvas, Maria Lucinete da Silva, comemora a colheita de mais uma safra da cultura da uva Itália.


Utilizando-se de mão de obra familiar, com o cultivo tradicional por micro aspersão da cultura da uva da variedade Itália, a família está colhendo hoje sua 10° safra da fruta. Em apenas 0,3 hectares implantados á cinco anos, essa área cultivada, rende nada menos  que  10 mil kg de uva de mesa ao ano, melhorando excessivamente a renda financeira da família, pela boa aceitação no mercado com preço bom para o produtor, pois a fruta é de alta qualidade.


A produtora disse que para chegar a essa produção, a técnica é essencial, é preciso que tome todos os cuidados desde os tratos culturais como, podas, raleio, amarração em “V” bem como a formação do esqueleto da planta, que é de fundamental importância para obter um bom resultado, formando dois braços laterais do tipo espinha de peixe, técnica que exige pratica, conhecimento e muito cuidado. Ela afirma, que utiliza produtos preventivos, para o combate de pragas e doenças fúngicas, com tratamentos específicos, com trabalho preventivo e controle a base de cobre e enxofre.
Lucinete se orgulha ao dizer, que possui conhecimento técnico em todas as fases do cultivo, e que aprendeu tudo, com o seu esposo, Francisco Iran de Andrade, que é técnico em agropecuária, produtor rural, e atualmente é Agente Rural da SDA, prestando serviço a Ematerce no município de Barbalha.


A mesma diz estar muito feliz com o cultivo e por saber que seu esposo, o técnico Iran, já conseguiu transferir conhecimento, através da assistência técnica pela Emater, para algumas famílias que o mesmo assiste como agente rural, sendo dois hectares implantados no Assentamento de reforma agraria do distrito Estrela e mais um hectare a outras três famílias de agricultores independentes.
 No ponto de vista técnico, a ampliação dessas áreas favorece o setor produtivo da uva no município de Barbalha, enriquecendo ainda mais a cadeia produtiva da fruticultura irrigada na região do cariri cearense.


No pequeno espaço onde fica localizada a videira, ao lado da residência do casal, o pomar é encantador, Lucinete afirma que é uma terapia para ela, trabalhar nessa atividade agrícola ao lado da família, local onde se sente bem.


A boa produção dessa safra resulta no crescimento econômico e satisfação para a família, com vendas certas no mercado da região do cariri, ficando a família sem nenhum prejuízo financeiro, no que diz respeito a este ano de 2014, pois a região possui clima favorável e dispõe de recursos hídricos de boa qualidade, o que é primordial para a fruticultura irrigada.

Colaboração: Lindicassia Nascimento                                                                      

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Barbalha - Grupo de Economia Solidária e Turismo Rural, movimenta a comunidade do sitio Barro Vermelho no seu 19° encontro


A comunidade do sitio Barro Vermelho, zona rural do município de Barbalha - Ce vivenciou neste ultimo dia 12 de Agosto, o encontro do Grupo de Economia Solidária e Turismo Rural da Agricultura Familiar. A comunidade em festa, bastante receptiva, acolheu com muita alegria os feirantes do grupo que é formado por agricultores e agricultoras de varias comunidades rurais do município, que expõe seus produtos a venda e troca como excedente de suas produções e tem como apoiadores os segmentos representativos como a EMATERCE, Sindicato de Trabalhadores Rurais de Barbalha, UNAB e Associações de agricultores rurais do município, movimento que acontece desde 2011 a partir de oficina sobre Economia solidaria e turismo rural ministrada pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará ( EMATERCE) quando foi plantada a semente que hoje colhe bons frutos.


A participação efetiva dos feirantes resulta numa força de vontade coletiva do grupo, que a cada encontro fortalece cada vez mais a proposta de uma economia justa e igualitária, podendo adquirir e oferecer produtos de boa qualidade, como frutas diversas e hortaliças, produzida no campo, livre de agrotóxico, com respeito ao meio ambiente e ao homem, alem do artesanato típico de cada região, cordel, biojóias, mel de abelha, azeite de côco, plantas ornamentais e frutíferas, alimentos caseiros e etc.


Para os participantes, a troca de experiência e de produtos oriundas da agricultura familiar é considerada muito importante, pois alem ter a oportunidade de expor suas produções, conhecem o potencial de cada comunidade, a exemplo da comunidade visitada que possui vasta área produtiva, como, macaxeira e banana. Possui ainda uma casa de farinha que recebe os produtos agroindustriais da cadeia produtiva da mandioca, para beneficiamento e processamento da farinha, goma  e outros derivados como tapioca, beiju sequilho e peta, gerando emprego e renda utilizando a  mão de obra familiar na própria comunidade.


Com um pensar diferente, o grupo se destaca na área da comercialização, que com solidariedade demonstra que com entusiasmo e sabedoria sai sempre com uma nova agenda marcada para o próximo encontro, desta feita será na comunidade de Sitio Farias no próximo mês, acertadamente será mais um encontro de muita alegria dos agricultores e agricultoras do município de Barbalha- Ce.


INFORMAÇÕES: Lindicassia Nascimento ( Agente  rural – Emater - Barbalha)




domingo, 20 de abril de 2014

Grupo de Economia solidaria de Barbalha exerce a gestão das atividades de maneira coletiva.

Mais uma edição da feira do grupo de Economia Solidaria de Barbalha aconteceu na manhã do ultimo dia 15 de Abril de 2014, quando nessa data comemora o dia Nacional de Conservação do Solo, num evento promovido pelo CVTEC de Barbalha, na Praça Engenheiro Dória (praça da estação) no centro da cidade de Barbalha.

Foto: Lindicassia Nascimento

Desde sua criação em 2011 através da oficina de economia solidaria ministrada pela EMATERCE, esta já é a 15° edição de encontro do grupo com feira, e sempre que acontecem, os encontros, uma nova agenda é marcada pelos participantes, para que o movimento associativista continue fortalecendo o grupo. A nova agenda ficou marcada para o dia 13 de Maio, na comunidade rural do sitio Bela Vista no Distrito do Caldas.

Foto: Lindicassia Nascimento

Na feira pode-se encontrar uma variedade de produtos num só lugar como: frutas, verduras, legumes, agro industrializados caseiros, artesanato, cordel e etc. São vários os produtos trazidos direto das mãos de quem produz.
Foto: Lindicassia Nascimento

A economia solidária é uma forma de organização do trabalho que surgiu como alternativa de geração de renda e de inclusão social. É um jeito diferente de produzir, comprar, vender e trocar o que é necessário para viver, sem que haja vantagem para um ou outro lado da negociação.
 
Foto: Lindicassia Nascimento
O grupo de economia solidária ganhou força no município de Barbalha com o apoio de instituições e entidades associativas comunitárias como, por exemplo, as Associações de comunidades rurais, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, EMATERCE - Barbalha e UNAB (União das Associações de Barbalha).


Enviado por: Lindicassia Nascimento


sábado, 22 de março de 2014

Lançamento de cordéis da Sociedade dos Poetas de Barbalha

         Com mais uma grande participação popular a Sociedade dos Poetas de Barbalha - SPB realizou nessa sexta-feira dia 21 de março  de 2014, o lançamento de mais três cordéis na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Barbalha. 


                                      "Barbalha Respira Cordel", do poeta Antônio Pirajá,


                                         "O Lugar que fui Nascido", do poeta Capitão


"Saudades do Sertão", da poetisa Dona França.


Platéia

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Lançamento de cordéis do Projeto Amigos da Leitura

Nesta quinta-feira dia 27, a Secretaria de Educação de Barbalha fez extensa programação do projeto Literatura de Cordel em Sala de Aula - Amigos da Leitura,  com o  lançamento  de quatro cordéis. Os cordéis lançados foramA Educação de Ontem e de Hoje, das professoras Cicera Vieira da Silva e Ivanilde dos Santos, ambas da Escola Luiz Filgueira Sampaio do Sítio Santana, e o cordel coletivo, O Desequilíbrio Ambiental, escrito pelos alunos da Escola Manoel Saraiva do Sitio Santana. 

  


 A noite foram lançados os cordéis dos professores Francisco Timóteo com o título  Pe. Paulo de Sá Gurgel, e o cordel, A Educação é a Solução da professora Jacinta Maria Correia ambos são membros da Sociedade dos Poetas de Barbalha - SPB. 


Os cordéis foram patrocinados pela Secretaria de Educação dentro do Projeto Amigos da Leitura. 




O evento aconteceu no Cine Teatro Municipal de Barbalha e teve grande participação popular, além das escolas contempladas e dos membros da Sociedade dos Poetas de Barbalha.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Feira do Grupo de Economia Solidaria e Turismo Rural de Barbalha



 Durante toda a manhã desta terça-feira dia 11 de Fevereiro de 2014, a população do sitio Santana, de sítios vizinhos e visitantes, tiveram a oportunidade de conhecer e adquirir os produtos da agricultura familiar na XIII Feira do Grupo de Economia Solidária e Turismo Rural Da Agricultura Familiar (ESTRAF), município de Barbalha – CE. A feira despertou a curiosidade de alunos da escola Almiro da Cruz daquela comunidade, que durante toda manhã, visitaram os estandes dos agricultores rurais.


A feira dos produtos oriundos da agricultura familiar, possui uma diversidade de itens, que abrange não apenas a agricultura, mais também o artesanato, floricultura, literatura de cordel, agroindustrializados, alimentícios, orgânicos e etc. Em cada feira, uma nova agenda é marcada, os participantes já se organizam para participarem de mais um encontro, desta vez na comunidade do sitio Riacho do Meio no dia 18 de Março do ano em curso.


A acolhida da comunidade receptora do evento deixou satisfeitos todos os participantes, que puderam apreciar as belíssimas apresentações do grupo de zabumbeiros mirins, resgatando a cultura popular, e ao som suave da dupla sertaneja Wedson e Bruno, se divertiram bastante, e como se não bastasse, foi declamada uma poesia em forma de cordel, pelo poeta, morador da comunidade, Liberato Vieira da Silva, o popular “Mestre Bula”. Sócio fundador da Sociedade dos Poetas de Barbalha - SPB. Inspiração precisa para o momento, resgatando valores e princípios, onde só quem possui o Dom, pode transmitir com responsabilidade poética o momento descontraído da feira de troca de produtos da agricultura familiar.


FEIRA DA ECONOMIA SOLIDÁRIA FAMILIAR

AUTOR: LIBERATO VIEIRA  DA SILVA

HOJE ESTAMOS RECEBENDO
EM NOSSA COMUNIDADE
ESTA FEIRA INTINERANTE
CRIADA EM NOSSA CIDADE
EM PROL DOS AGRICULTORES
DE NOSSA SOCIEDADE

SINDICATO, EMATERCE
E  U.N.A.B.  EM PARCERIA
COM AS ASSOCIAÇÕES
QUE MUITO LHE AUXILIA
MANTEM UM BELO CONTATO
NA VIDA DO DIA A DIA

O POETA SE INSPIRA
NOS FATOS QUE ACONTECE
TAMBÉM NÃO CONTA MENTIRA
SÓ FALA DE QUEM MERECE
A SEMENTE QUE RESPIRA
A CADA DIA MAIS CRESCE

ESTA FEIRA TRAZ PRA NÓS
COISAS DE GRANDE VALOR
NA PROFISSÃO DE ARTISTA
E NA DE AGRICULTOR
EM NOSSO MEIO JÁ TEM
ALGUÉM  QUE PARTICIPOU

QUALQUER COISA PRODUZIDA
VENHA VENDER OU TROCAR
SEJA DA ROÇA OU DA ARTE
TRAGA PRA NEGOCIAR
E TRAGA UMA BOA PARTE
DE DINHEIRO PRA COMPRAR

NÃO FALE EM COMPRAR FIADO
PORQUE NÃO VAI ATENDIDO
AQUI SE VENDE E SE TROCA
TORNA O QUE FOR MERECIDO
FIADO AQUI NEM SE FALA
SEJA BEM COMPREENDIDO

VÁRIAS APRESENTAÇÕES
ACONTECEM NO MOMENTO
ARTISTAS DE TODA PARTE
COMPARECEM NESTE EVENTO
DESEMPENHANDO SUA ARTE
E MOSTRANDO SEU TALENTO

QUEM VEIO À SANTANA II
DA FEIRA PARTICIPAR
PRA VENDER OU FAZER COMPRAS
OU APENAS PRA OLHAR
O MEU MUITO OBRIGADO
QUERO A TODOS DESEJAR
 BARBALHA, 11 DE FEVEREIRO DE 2014.

(Enviado por Lindicássia Nascimento)

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

II Feijoada de poesia - Lançamento do cordel "Ser barbalhense é..." e relançamento do cordel "Tranquilino Ripuxado"

Foi realizado neste domingo dia 15 de dezembro, a  II FEIJOADA DE POESIA a qual teve grande participação popular. Neste evento que é realizado anualmente pelo poeta José Sebastião teve a participação dos poetas da Academia dos Cordelista do Crato, da Sociedade dos Poetas de Barbalha e do Secretario de Cultura do Município de Barbalha, Sitõe Luna. Tivemos a apresentação da dupla de cantores de Barbalha, Cássia e Bruno, do Cantor Gospel Rubens O. Rodrigues, e as participações dos poetas José Joel, Luciano Carneiro e Anilda Figueirêdo e o show do Humorista Tranquilino Ripuxado, que foi homenageado com o cordel da poetisa Josenir Lacerda. Como ápice do evento o poeta José Sebastião lançou seu mais novo cordel com o título "Ser barbalhense é..." que teve a apresentação da filha do poeta Rachel de O. Rodrigues.




Ser Barbalhense é...

Ser Barbalhense é cultura
Fluindo de cada mente
É o poeta repentista
Improvisando um repente
É o reisado o zambubar
É o festejo popular
E o sangue do penitente.

Ser Barbalhense é semente
É paz é Felicidade
É o pequi estimulante
De tanta fertilidade
É o clima aconchegante
É aroma contagiante
É a beleza da cidade...

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Comitê Estadual de Enfrentamento às Drogas sensibiliza população de Barbalha

O Ministério Público do Estado do Ceará realizará, nesta terça-feira (26), às 8h, o encontro do Comitê Estadual de Enfrentamento às Drogas, no Cine Teatro Neroly Filgueira - Rua Pedro I, S/N - Centro, em Barbalha. Com o tema “Construindo ações intersetoriais e interdisciplinares”, o evento será aberto ao público em geral, além da participação de gestores municipais, profissionais das áreas de saúde, educação, segurança pública, associações e Organizações não governamentais.

A abertura do encontro contará com as presenças da vice-procuradora- geral de Justiça e presidente do Comitê, Eliani Nobre; da promotora de Justiça de Defesa da Saúde Pública e secretária do Comitê, Isabel Porto; e dos promotores de Justiça daquela comarca, além de autoridades locais convidadas.

O secretário do Conselho Estadual de Políticas sobre Drogas do Ceará, major Edson Edálcio Aragão Silva, exporá, às 8h30, o painel “O papel da Segurança Pública no enfrentamento às drogas”. Em seguida, a terapeuta ocupacional e gestora da Dependência Química do Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto, Sandra Maria Coelho Ribeiro, apresentará, às 9h, o painel “Drogadição e Saúde Mental”. O terceiro painel “Drogas: possibilidade de recuperação” será ministrado, às 10h, pelo vereador de Fortaleza Paulo Diógenes.

No período da tarde, a partir das 14h, serão formados os grupos de trabalho nos quatro eixos, da seguinte forma: Grupo A – Prevenção; Grupo B – Tratamento; Grupo C – Reinserção Social; e Grupo D – Segurança Pública. A seguir, às 15h, será formalizada uma plenária com elaboração das conclusões e a indicação de boas práticas e fluxos de atendimento a serem adotados no âmbito do enfrentamento às drogas.

Mais informações com a presidente do Comitê, Eliani Nobre: 9999.6804 / 9600.6755 / 3452.3736; ou com a promotora de Justiça de Defesa da Saúde Pública e secretária do Comitê, Isabel Pôrto: 9955.6717 / 3253.4111.

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Barbalha - XII Encontro da feira de Economia Solidária e Turismo Rural da Agricultura Familiar atingiu objetivo positivo

Durante toda a manha desta terça feira dia 12 de Novembro de 2013, no entorno da Praça Engenheiro Dória centro da cidade de Barbalha - Ce, a população barbalhense, visitantes e curiosos, tiveram a oportunidade de conhecer e adquirir os produtos da agricultura familiar na XII Feira do Grupo de Economia Solidária e Turismo Rural Da Agricultura Familiar (ESTRAF), município de Barbalha – Ce.


O grupo tem o apoio da Ematerce, Sindicato dos Trabalhadores Rurais e Associações de comunidades rurais de Barbalha. Os integrantes do grupo são os principais articuladores e não medem esforços para que cada encontro, tenha repercussão positiva, com base na vivencia amparada nos princípios da Economia Solidária. 


Além dos serviços de saúde como aferição de pressão arterial, testes de glicemia, informações e orientações sobre saúde por parte da Secretaria de Saúde do Município que se fez presente colaborando com a ação solidária e coletiva.


Esta é uma ação partilhada que vem sendo acompanhada pela Empresa de assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (EMATERCE) e do Sindicato de Trabalhadores Rurais do município desde a sua criação em 2011, a partir da oficina de Economia Solidária ministrada pela Ematerce no centro dos Artesãos do Distrito Estrela.


Os encontros nas comunidades rurais acontecem bimestralmente tendo como finalidade à troca de produtos oriundos da agricultura familiar como o excedente de suas produções agrícolas e não agrícolas, como: frutas, legumes, hortaliças, agroindustrializados, artesanato e agora com mais uma novidade a exposição de folhetos de cordel da cordelista Lindicassia Nascimento que pretende interagir coletivamente com outros trabalhos publicados de membros da Sociedade dos Poetas de Barbalha, associação em que a mesma pertence.


Nesta feira o objetivo foi comercializar os produtos, porem a troca não deixou de existir entre os integrantes e ao final do evento a descontração tomou conta de todo o grupo, que com autonomia e solidariedade realizaram com segurança mais um encontro entre aqueles que buscam construir alternativas ao capitalismo, contribuindo para o exercício da cidadania rumo a uma nova sociabilidade, resgatando valores, princípios e cultura, com praticas ambientais sustentáveis.

Fotos e texto por: Lindicassia Nascimento 

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Associcouro: levando o artesanato cratense ao Brasil

Fundada há mais de 10 anos na cidade do Crato, a Associcouro – Associação do Couro do Crato – levará o artesanato local para a 24º Feira Nacional de Artesanato, que será realizada na cidade de Belo Horizonte de 03 a 08 de dezembro. A Feira é apenas uma das exposições para onde a associação leva a arte em couro da cidade. A presidente e fundadora, Edineide, conta com orgulho sua história “começamos em família sabe, trabalhando apenas com o couro. Hoje somos 12 associados trabalhando com peças em couro, madeira, metal e vidro. Abrimos há um mês a nossa loja, que também está excelente”. Edineide representa a associação em diversos eventos, entre eles o Encontro Internacional de Negócios realizado anualmente pelo Sebrae. “No começo nós não tínhamos o apoio, mas há três anos fizemos o registro oficial, conseguimos CNPJ e o apoio do Sebrae e da Ceart”, conta. Na última edição do encontro, realizada no começo de outubro, ela retornou ao Crato com encomendas que, segundo a mesma, “não conseguiria fazer por aqui”.

Assessoria de Imprensa da Associcouro


Serviço:

Rua dos Cariris, 111 – Centro

Crato-CE

Fone: (88) 9956-7121 / 9750-7075

Email: associcouro@hotmail.com

Facebook: www.facebook.com/associcouro

domingo, 22 de setembro de 2013

Aniversario da Sociedade dos Poetas de Barbalha – SPB

A SPB comemorou no dia 17 de setembro, três anos de existência com uma belíssima festa realizada no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Barbalha. Com a presença de grande publico foi empossada a nova diretoria composta dos seguintes membros: Presidente - Josélio Araújo, Vice-Presidente – Camilo Barbosa, Secretaria – Ângela Maria, 2ª Secretaria – Maria do Rosário, Tesoureiro – José Sebastião, 2ª Tesoureira – Lindicássia Nascimento.
 

Em seguida foram diplomados mais três poetas, que a partir de agora fazem parte da SPB. São eles: Francisco Timoteo, Jacinta Maria e Antonio Hildegardis.


E para fechamento do evento foram lançados mais dois novos títulos: “Nossa Terra, Nossa Gente” de Josélio Araujo e “Garota Prodigio” de José Sobrinho.

 


quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

SPB promove lançamento de cordéis, homenageando o "Rei do Baião"

A Sociedade dos Poetas de Barbalha fez nessa sexta-feira dia 14, sua confraternização de natal e aproveitou a oportunidade para fazer sua homenagem a Rei do baião Luiz Gonzaga. Numa grande festa realizada no hall da Secretaria de Cultura de Barbalha.


Os títulos lançados foram: Sua majestade Luiz Gonzaga O Rei do Baião de Maria do Rosário Lustosa da Cruz e Repertoria Gonzagueano de Angela Maria Pereira da Silva. 



Agora já são 12 títulos lançados pela SPB e 16 lançados em parceria com o Ministério da Cultura. Em 2 anos de existência já são 28 títulos lançados, em um total de 28 mil cordéis publicados. Parabéns os poetas de nossa terra!

Por: José Sebastião Rodrigues

segunda-feira, 9 de julho de 2012

Barbalha terá mais de dez candidatos por uma vaga de vereador

Foram apresentados 158 pedidos de registros de candidaturas para o cargo de vereador na disputa da eleição de outubro.

A disputa deste ano para a Câmara Municipal de Barbalha terá mais de 10 candidatos para uma vaga. De acordo com o Cartório da 31ª Zona Eleitoral foram apresentados 158 pedidos de registros de candidaturas para o cargo de vereador na disputa da eleição de outubro, porém, os nomes ainda estavam sendo analisados pelo juiz eleitoral e a relação deve ficar fechada somente no final do expediente desta segunda-feira (9). Dos 158 pedidos, 105 nomes são do sexo masculino e 47 do sexo feminino. Por determinação da legislação eleitoral, cada coligação tem que ter 30% de mulheres entre os seus candidatos. Em permanecendo os 158 nomes, a concorrência será de 10,2 por vaga. Duas coligações e mais o PSOL, com chapa pura, têm candidatos para a eleição majoritária. Assim, serão três candidatos a prefeito.

A partir do ano que vem o legislativo barbalhense será formado por 15 vereadores. Sete dos dez atuais vereadores tentam a reeleição. Barbalha terá, no mínimo, oito novos vereadores em 2013 e este número pode aumentar. A corrida eleitoral por uma vaga na Câmara Municipal já começou e neste final de semana ainda sem material de campanha, alguns candidatos foram para as ruas e fizeram o copo a corpo com o eleitor.

 
Por: Josélio Araújo
Fonte: Rádio Cetama

quinta-feira, 5 de julho de 2012

BARBALHA SEDIA III CONFERÊNCIA ESTADUAL DOS DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA.

Foi realizada na manhã desta quinta-feira 05, nos salões da AABB – Associação Atlética Banco do Brasil no Parque Bulandeira, a III Conferência Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Ceará.

A conferência foi aberta às 8h30 com credenciamento e cofre Break, formação da mesa com representante do prefeito José Leite, a secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social, Maria Tereza Amora; Antônio de Luna secretário de Cultura; secretária da Educação, Isabel Cristina Cruz; do presidente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência; Desiree de Sá Barreto Diaz Gino, diretora do Pestalozzi e de Keila Chaves que é Conselheira do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência. E logo após o Hino Nacional que foi cantado pelos presentes, o Coral “Mãos que Falam e Encantam” formado pelos alunos especiais da Associação Pestalozzi de Barbalha emocionaram a platéia.

Às 9h25 houve palestra magna sobre “Os Direitos das Pessoas com Deficiências”, ministrada pela representante do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Keila Chaves.

Em seguida houve palestra sobre Metodologia da Conferência: Aprovação do Regimento; trabalhos temáticos em grupo; divisão dos grupos e início dos trabalhos; ao meio dia todos pararam para almoço.

E às 13h00 os trabalhos tiveram continuidade em grupo e em seguida houve a eleição dos delegados de acordo com o regimento e o regulamento.

Às 15h00 os trabalhos foram apresentados em grupo: Socialização das situações/problema e propostas dos grupos que irão para a sistematização, que gerou um documento parcial, que subsidiará os trabalhos de etapa de culminância da conferência em Fortaleza.

Às 17h00 houve a entrega dos formulários das propostas e listas de delegados para a coordenação do evento e em seguida encerramento das atividades.

A conselheira Keila Chaves do Conselho estadual dos Direitos da Pessoa com deficiência, disse que a conferência vem trazer justamente oportunidade a sociedade civil está contribuindo com as políticas públicas em relação ao município e da conferência, tirando os delegados para a etapa Estadual. Keila Cheves acrescentou ainda que em Barbalha as pessoas vão poder ter oportunidade, a sociedade civil de estar dando o seu olhar, sua contribuição em relação às políticas públicas para as pessoas com deficiência. Os delegados que saíram dessa III Conferência Regional, irão para a Conferência estadual e conseqüentemente irão participar da Conferência Nacional.

Débora Rabelo da Secretaria executiva do Conselho Estadual dos Direitos das Pessoas com Deficiência disse que essa conferência é um olhar através da convenção da ONU sobre os direitos, novas perspectivas e desafios realizados pelo Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, conta com o apoio do Governo do Estado do Ceará através da Secretaria de Justiça e Cidadania e do gabinete da primeira Dama do Estado.

Os fóruns regionais que estão acontecendo no Ceará, objetiva multiplicar as possibilidades de articulação entre as esferas governamentais, municipais e os diversos segmentos sociais.

O presidente do Conselho Municipal das Pessoas com Deficiência, Vicente de Paulo essa III Conferência Regional acontecida em Barbalha, vem tratar de uma questão não só sobre o deficiente físico, mas todo tipo de deficiência. Vicente de Paulo parabenizou o município de Barbalha, por sediar esta III Conferência e os debates dessa conferência só vai engrandecer a região do Cariri com as políticas públicas apresentadas.

Para a secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social, Maria Tereza Amora, foi um orgulho para Barbalha em poder sediar esta III Conferência Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência. A secretária enalteceu as políticas públicas hoje apresentadas pela Administração Municipal, alguma coisa já foi feita em relação às acessibilidades na cidade, nas praças. Tereza Amora reconhece que as ações estão acontecendo lentas , mas estão sendo feitas e há ainda o que fazer.

 
Por: Assessoria de Imprensa
Fonte: barbalha.ce.gov.br

PRONATEC foi lançado oficialmente em Barbalha

O programa tem por objetivo a capacitação profissional dos jovens e sua inclusão no mercado de trabalho

A coordenadora do SENAI, Lídia Cardoso esteve reunida em Barbalha com  técnicos da Prefeitura Municipal  SENAC e  IFCE , para  lançar o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e ao Emprego (PRONATEC), destinado a jovens e beneficiários de programas sociais no município. Serão vários cursos de capacitação que a instituição estará disponibilizando para a cidade na área de comércio e serviços. Entre eles, almoxarife de obras, mestre de obras, pedreiro, aplicador de revestimento cerâmico, segurança do trabalho, soldador, cabelereiro, manicure, pedicure, maquiagem, serigrafia, vitrinista, auxiliar de faturamento, costura de calçados, cortador de calçados, costureiro de vestuário, montagem e manutenção de computadores e WEB design.

O programa tem por objetivo a capacitação profissional dos jovens e incluí-los no mercado de trabalho. As primeiras turmas nas áreas de eletrônica e de calçados tiveram suas aulas iniciadas nesta terça-feira (3). Criado pelo Ministério do Desenvolvimento e Combate à Fome, o Pronatec em Barbalha, será coordenado pela Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social.

 
Por: Josélio Araújo
Fonte: Rádio Cetama

segunda-feira, 2 de julho de 2012

COZINHA COMUNITÁRIA É INAUGURADA NAS MALVINAS


A Prefeitura Municipal entregou na última sexta-feira dia 29, a comunidade do bairro Malvinas a Cozinha Comunitária que leva o nome de uma das idealizadoras no projeto social em Barbalha, Dona Minerva Diaz de Sá Barreto que em 1977 começou a desenvolver os mais variados trabalhos sociais e era conhecida como “mãe dos pobres”. Foi a fundadora da (SOAFA) Sociedade de Apoio a Família; a (SESFA) Sociedade de Educação e Saúde à Família e a (SOBEF) Sociedade em Benefício à Família. Dona Minerva era casada com o ex-prefeito de Barbalha, Antônio Inaldo de Sá Barreto. Dona Minerva faleceu em 03 de agosto de 2010 deixando.

A solenidade de entrega da Cozinha Comunitária foi marcada com as presenças das autoridades municipais e das comunidades, Malvinas, Vila São José, Vila Santa Terezinha, Casas Populares, Parque Buriti e Vila da Usina.

A Cozinha Comunitária no bairro Malvinas já recebeu seus equipamentos de uso e está pronta para funcionar. Uma obra do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) em parceria com a Prefeitura Municipal de Barbalha. Em funcionamento, a Cozinha Comunitária irá servir entre 150 a 200 refeições saudáveis diária, além de ser uma estratégia de inclusão social produtiva que fortalecerá as ações coletivas e a identidade comunitária.


Esse equipamento foi adquirido junto ao Governo Federal através do Ministério do Desenvolvimento Social, através do empenho na época, da então secretária da Ação Social do município, Isabel Cristina Cruz que viu a necessidade da comunidade do bairro Malvinas ter um equipamento do cunho social que é a Cozinha Comunitária.

Com esse empreendimento social em Barbalha, a Prefeitura de Barbalha ver a necessidade da melhoria na qualidade das pessoas mais necessitadas, de uma forma que venha beneficiar não só as Malvinas, mas, as comunidades em torno da mesma com os projetos e ações sociais que devem chegar às diversas comunidades de Barbalha.

A secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social Maria Tereza Amora, disse que a Cozinha Comunitária é um sonho realizado, apesar de muitos desafios pela frente, mas, concretizado porque sabe que agora, a comunidade de Malvinas, vai poder ter com facilidade o acesso as condições alimentar e nutricional que é um direto de todo cidadão.

O vereador Francisco Sandoval Barreto de Alencar, que representou a família de Dona Minerva, disse que a Cozinha Comunitária sem desmerecer é um dos equipamentos sociais mais importantes que o Governo Municipal trouxe para Barbalha, e esse equipamento é para a assistente social e para as políticas públicas sociais um dos melhores equipamentos que vai trabalhar a segurança alimentar e nutricionais do município. Sandoval Barreto elogiou os demais pares por terem aprovado por unanimidade na Câmara Municipal, o projeto de Lei de sua autoria, denominando a Cozinha Comunitária com o nome de Dona Minerva Diaz de Sá Barreto. E agradeceu ao Poder Executivo Municipal por essa iniciativa de lavar este equipamento aquela comunidade que foi tão conhecida por Minerva Diaz. 

Veja Mais Fotos no Site: http://barbalha.ce.gov.br/v2/index.php?idnoticia=1568

 
Fonte: Assessoria de Imprensa (barbalha.ce.gov.br)
Últimos Artigos